Arquivos de Tag: baunilha

Cheesecake de Ferrero Rocher

English Version

Cheesecake de Ferrero Rocher

Antes de ir a Brasília, fiz uma lista das receitas que queria fazer lá para postar aqui – coisas com couve, mandioquinha e outros ingredientes que não encontro no Uruguai. Com a correria, não fiz nenhuma! 😮 Aí inventamos de fazer uma série “Receitas do Jota”, que seria só com receitas testadas pelo meu irmão. Separamos algumas receitas para fazer e… só fizemos uma! 😦

MAS QUE RECEITA! Sempre fiz a mesma cheesecake de sempre, que leva ricota, mas essa é bem diferente e gostosa – além disso, ao contrário do que imaginei, essa não é uma receita muito doce! E dá tempo de fazer para o almoço de Páscoa! 😉

Para a base:
240 g de flocos de milho – corn flakes mesmo 😀
70 g de manteiga sem sal, derretida
4 colheres de sopa de cacau em pó

Para o recheio:
200 g de avelãs
500 g de cream cheese
1 caixinha de creme de leite
85 g de açúcar
1 colher de chá de essência de baunilha

Para a cobertura:
170 g de chocolate meio amargo
1 caixinha de creme de leite
Bombons Ferrero Rocher, para decorar

Cheesecake de Ferrero Rocher

Comece fazendo a base: no processador/liquidificador, triture bem os flocos de milho. Acrescente a manteiga derretida e o cacau em pó e misture bem. Cubra o fundo de uma forma de fundo removível (a nossa tinha 25 cm de diâmetro) com essa massinha, apertando bem, e leve para a geladeira, para firmar. Como a massa já tem manteiga, não precisa untar.

Enquanto a massa está na geladeira, coloque as avelãs em uma assadeira e leve ao forno para tostar. O processo leva uns 15 minutos, mais ou menos. De vez em quando, sacuda a assadeira para que as avelãs não queimem. Você vai saber que está pronto quando a cozinha ficar com um cheiro maravilhoso de avelãs 😀

Coloque as avelãs quentes no liquidificador e bata BEM, para que forme uma pasta. Esse processo demora bastante: eu e o Jota estávamos com pressa e só trituramos mesmo, ficou bom #realidades

Em uma tigela, coloque as avelãs, o cream cheese, uma caixa de creme de leite, a baunilha e o açúcar. Bata bem – eu bati o cream cheese com o creme de leite com uma espátula, para depois acrescentar os demais ingredientes, mas era só porque não queria sujar uma batedeira também! 😀 Despeje esse creme sobre a massa já fria, cubra com plástico-filme e leve para a geladeira para firmar.

Enquanto firma, coloque o creme de leite e o chocolate em uma panelinha em fogo bem baixo (ou em banho-maria, se você for mais cauteloso do que eu), mexendo bem até derreter todo o chocolate. Deixe esfriar um pouquinho e cubra a cheesecake com essa ganache.

Decore com os bombons – gente, parece tão receita de pavê isso, né, “decore com bombons”, hahahahah! – volte à geladeira por pelo menos 30 minutos e sirva!

Anúncios

Muffins de (Muito) Chocolate

English Version

Muffin de Chocolate e Iogurte

Para encerrarmos a série de muffins, nada melhor do que um muffin de chocolate BEM CHOCOLATOSO – leva cacau E chocolate em barra! Além disso, como a receita leva iogurte, eles ficam bem macios. Na verdade, eles estavam mais gostosos no segundo dia!

A única parte que vai dar trabalho é picar o chocolate! Eu faço com chocolate em barra mesmo, porque aqui não encontro gotas de chocolate decentes (só aquelas porcarias com gordura hidrogenada, ECA!). Se você encontrar gotas de chocolate decentes, seus muffins vão ficar ainda mais bonitos!

Essa receita rende MUITO: consegui 12 muffins normais e mais 15 mini-muffins! Acho que renderia uns 16-18 muffins normais no todo.

Você vai precisar de:

2 xícaras de farinha de trigo

1 xícara de açúcar

3/4 xícaras de gotas de chocolate meio amargo – da próxima vez vou colocar mais!

1/2 xícara de cacau em pó

1 colher (chá) de bicarbonato de sódio

1 colher (chá) de baunilha

1 ovo

1 xícara de iogurte natural

1/2 xícara de leite

1/2 xícara de óleo

1/4 de xícara de gotas de chocolate branco, para decorar

Muffin de Chocolate e Iogurte

A massa é a mais fácil de todas as receitas dessa série, já que nem precisa derreter manteiga! 🙂

Na tigela 1 (menorzinha), misture os secos. Na tigela 2 (maiorzinha, que cabe tudo), misture os molhados. Despeje os ingredientes secos na mistura dos molhados e misture com uma espátula. Como sempre, não é pra bater – massa de muffin é empelotadinha mesmo, é só misturar até não ver farinha e pronto.

Preencha as forminhas, sempre seguindo a regra de encher só até 3/4 da capacidade de cada uma delas. Coloque algumas gotas de chocolate branco por cima e leve para assar por 20 minutos, ou até que eles passem no teste do palito! 🙂

Deixe esfriar em uma gradinha e DEVORE!

Biscotti de Amêndoas

1

Deixa eu ver se eu adivinho. Você esqueceu de comprar uma lembrancinha pra namorada do amigo do seu primo que vai pra ceia de Natal na sua casa. Ou pro porteiro do seu prédio. Ou pros colegas de trabalho. Não há santo que seja obrigado a encarar lojas nessa altura do campeonato. O que fazer?

A resposta é muito simples: asse biscotti, embrulhe-os em uma sacolinha bacana e pronto! Esses biscoitinhos duros são perfeitos para tomar com café (se você mergulhar o biscoito no café a gente jura que não conta pra ninguém) e que tipo de gente não gosta de um presentinho feito à mão?

Para fazer essas delícias, você vai precisar de:
85 g (ou 7 colheres de sopa, segundo a calculadora do CyberCook) de manteiga
200 g (1 ½ xícaras) de açúcar
1 ovo
2 gemas
Raspas de 1 limão
1 colher (chá) de essência de baunilha
300 g (2 ½ xícaras) de farinha
1 pitada de sal
1 colher (chá) de fermento em pó
120 g de amêndoas picadas grosseiramente – não gosta de amêndoas? Não tem problema! Qualquer outra oleaginosa funciona, ou substitua por …. chocolate.

Bata a manteiga com o açúcar rapidinho, só até incorporar. Aquele ponto de “farofinha”, sabe? Adicione o ovo, as gemas, a baunilha e as raspas de limão. Bata até obter um creme liso. Adicione a farinha, o fermento e o sal, misturando bem. Adicione as nozes picadas e misture (com a mão mesmo) só até obter uma massa coesa.
Faça um rolo, coloque em uma forma untada e asse em forno médio por 20 minutos. Tire o rolo do forno e deixe esfriar por uns 15 minutos – eu esqueci completamente desse passo e meus biscotti ficaram meio tortinhos, o que não alterou em nada o sabor. Os seus vão ficar mais bonitinhos, porque você não vai esquecer! 😀

Collages

Quando estiver meio frio, corte em rodelas de mais ou menos 2 cm de espessura. Coloque as rodelas de lado em uma assadeira. Asse por dez minutos, vire os biscotti, e asse por mais 10 minutos do outro lado.
Deixe esfriar bem, se possível em uma gradinha. Quando estiverem bem frios, coloque em um saquinho bonitinho e presenteie! Você pode também guardar em um tapaué por até duas semanas, mas eu DU-VI-DO que eles durem esse tempo todo! 😀

Bolo de Coco e Mirtilos

Bolo de Coco e Mirtilo

Continuando a #quintadobolo e aproveitando que hoje é o aniversário do maridón, fiz um bolinho muito classe. Da série “fácil, mas que impressiona”.

Pra variar só um pouco, a receita foi adaptada da Technicolor Kitchen. Não tenho culpa se todas as receitas dela funcionam! Infelizmente, tive que fazer só metade, porque o meu restinho de mirtilos congelados no verão estava acabando. A culpa é da #Anna, que veio aqui e comeu panqueca de mirtilo! 😀

“Mas Ana, na minha cidade não tem mirtilo/custa um rim e um esôfago!” Não se inquiete. Dá pra omitir sem problemas. Talvez funcione com outras frutas (cerejas ao marraschino, por exemplo), mas nunca testei.

100g de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
1/2 xícara (120 g) de manteiga sem sal, amolecida
1/2 xícara (100g) de açúcar cristal
2 ovos grandes
raspas da casca de 1 limão – usei o siciliano porque é o limão que tem aqui. Limão taiti é caro e vendido como “limón para caipirinia”
1 colher (chá) de baunilha
¼ xícara (25g) de coco ralado
70 g de mirtilos frescos ou congelados (sem descongelar)
açúcar de confeiteiro, para fazer uma firula

Prepare a forma, untando e enfarinhando. Bata a manteiga amolecida e o açúcar até obter o famoso creme claro e fofo. Junte os ovos, a baunilha e as raspinhas de limão. Nesse momento, é bom dar uma raspadinha nas laterais da tigela, pra garantir que tudo incorpore.

Pra variar (de novo), abandonei a batedeira e parti pro fuê, mas você não precisa fazer isso. Misture os ingredientes secos só até obter uma massa homogênea.

Agora não tem jeito: desligue a batedeira. Passe os mirtilos em uma colher de sopa de farinha de trigo – diz a lenda que esse procedimento evita que todas as frutinhas se concentrem no fundo. Incorpore DELICADAMENTE os mirtilos à massa.

Essa é outra massa mais pesadona, então coloque-a na forma e dê uma alisada bonitinha com a espátula. Asse em forno pré-aquecido.

Aí é o seguinte. Você pode desenformar, cortar, comer quente e ser feliz, ou você pode esperar o bolo esfriar e polvilhar com açúcar de confeiteiro, que é o jeito mais fácil de dar um ar elegante a um bolinho comum. Como é aniversário e tal, tive que ir pela segunda opção. Mas no verão que vem, esquece, vou comer direto na forma! #meiga #educadanaSocila

Brownie

Brownies

Calorias: nenhuma, visto que a receita é batida à mão.

Receita (seguida quase à risca) da Technicolor Kitchen

5 colheres (sopa) – 70g – de manteiga sem sal
1 barra (180 g) de chocolate amargo (usei o 72%)
¾ xícara (150 g) de açúcar
2 ovos grandes
1 colher (chá) de extrato de baunilha
1 pitada generosinha de sal
1/3 xícara (47 g) de farinha de trigo
1 xícara (115 g) de nozes picadas

Eu tenho balança e sempre peso tudo, mas deixei as medidas em xícaras para facilitar. USE XÍCARAS E COLHERES DE MEDIDA!!! Sempre! E nem me venha com preguiças, essa receita é muito fácil!

Forrei uma assadeira de 20×20 cm com papel alumínio, untei com manteiga e coloquei dentro de outra assadeira. Fiz isso porque a receita mandava! Acho que é para assar mais devagar embaixo, permitindo assim que o brownie seque em cima, formando a casquinha amor eterno.

Em uma panela bem maior do que você precisaria, derreti o chocolate e a manteiga em banho-maria, mexendo de vez em quando. Enquanto o chocolate derretia, coloquei as nozes no processador e usei a tecla pulsar algumas vezes para picar. Achei o resultado melhor do que cortar com a faca, mas avalie se você acha necessário sujar seu processador só pra isso. Retirei do fogo. Adicionei o açúcar e mexi com um fuê (quem não tem fuê usa garfo mesmo, tudo é festa). Juntei os ovos e a baunilha e misturei bem. Adicionei a farinha e o sal, mexi bem até incorporar e acrescentei as nozes. Despejei a mistura na assadeira, tentando dar uma alisadinha pra ficar mais bonitinho e assei por mais ou menos 30 minutos.

Usei o papel alumínio como uma “alça” pra retirar a massa de dentro da forma. Botei na minha gradinha amiga e deixei esfriar um pouco, mas não foi possível esperar muito porque o cheiro do brownie me hipnotizou. Daí foi só cortar em quadradinhos e me controlar profundamente para não comer tudo antes da Anna chegar! 😀