Pirarucu de Casaca

Pirarucu de Casaca

Eu: “Mãe, vamos fazer uma receita pro Tertúlias?””
Mamãe: “Sim….. mas vamos fazer algo diferente. Pirarucu de casaca?”
Eu: “Pirarucu de casaca.”

Olha, nós sabemos que no Sudeste é quase impossível encontrar boa parte dos ingredientes, mas a receita é tão gostosa (e tão diferente) que resolvemos postar mesmo assim.

Você vai precisar de:

1 vidro de leite de coco
1 maço de cheiro verde picadinho
2 cebolas cortadas em cubinhos
1 pimentão pequeno cortado em cubinhos
2 tomates cortados em cubinhos
3 pimentas de cheiro cortadas beeeem miudinhas, do jeito que só mãe consegue cortar
1 kg de pirarucu seco, dessalgado e desfiado (você pode usar bacalhau também)
500 g de farinha do Uarini
Mais ou menos 4 bananas pacovã (ou banana da terra) fritas, cortadas em pedaços de mais ou menos 5 cm
Mais os menos 1 xícara de azeite
Suco de 1 limão (você pode usar vinagre, mas eu odeio vinagre)
1 lata de ervilhas
½ xícara de uvas passas
5 colheres de sopa de azeitonas em rodelinhas
1 pacote de batata palha (que esquecemos no dia e não fez falta nenhuma, mas tradicionalmente é incluído na receita)

Pique os tomates, as cebolas, o pimentão, as pimentas de cheiro e o cheiro verde. Misture-os em uma tigela. Pegue mais ou menos um quinto desta mistura e jogue em uma panela com 4 colheres (sopa) de azeite. Refogue. Acrescente o leite de coco e misture a farinha até obter uma farofa úmida. Reserve.

Em uma tigelona, misture o pirarucu com os temperos restantes. Acrescente meia xícara de azeite, o suco de limão, as ervilhas, as uvas passas e as azeitonas. Misture tudo muito bem e reserve.

Agora é hora de montar. Em um pirex grande, faça uma camada (fina) de farofa úmida, uma camada generosa da mistura de pirarucu, uma camada de bananas fritas, outra camada de farofa, outra camada de pirarucu, outra camada de bananas e finalize com OUTRA camada de farofa. 😀

Decore com batata palha, fazendo caretas ou simplesmente contornando o pirex.

Leve ao forno por mais ou menos 30 minutos e sirva. Geralmente, este prato é acompanhado de arroz, mas ninguém com bom-senso ocupa espaço no estômago com arroz quando tem pirarucu! Se você tiver força de vontade, é possível congelar o prato já montado, mas aviso: não é uma tarefa fácil abdicar de comer tudo de uma vez!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: